-

sexta-feira, 10 de abril de 2009

Corta-te ou Purga-te II

Já faço parte da Blogosfera há 2 anos. Posso dizer que desde aí estou muito mais atenta à escrita, principalmente à minha, que regista metamorfoses.
Comecei em forma de brincadeira, nunca pensei que me fizesse escrever mais ou melhor, simplesmente resolvi aderir ao movimento, apesar de não conhecer muitos jovens da minha idade com blogue. E isto sem querer parecer superior, acho que os poucos jovens que têm blogue muitas vezes confundem este espaço com hi5, orkut e afins, mas claro, cada um faz do seu blogue o que bem entender. Não paga mais por isso.


Penso que o blogue, desde há uns tempos para cá tem tomado o lugar de espaço de troca de comentários e não de apreciação de belos textos, fotografias, ou seja partilhas pessoais. As pessoas vêem um blogue que foi recentemente actualizado, entram, comentam e pisgam-se. Muitas vezes ficam-se pelo título. Confesso que gosto de receber comentários, muitas vezes comento com a intuição de concentrar mais visitantes, mas sempre que comento, leio sobre o que estou a opinar. É uma questão de respeito, mesmo para uma pessoa que não conheço, acho que merece, pois também dispensou o seu tempo.


Um dos principais problemas que eu vejo no Mundo da Blogosfera, é que tem muitos “moradores”. Qualquer pessoa se regista. Isso não é mau, mas por um lado começa a ser. Vemos blogues que são autênticos diários virtuais e na minha opinião há limites. Tudo bem que uma pessoa seja muito aberta, mas daí a escrever quantos quilos perde numa semana, experiências amorosas … acho que é dar informação a mais. Isso até se torna perigoso com quem conhecemos, quanto mais com desconhecidos.
Contudo gosto muito de ter um blogue. É como se tivesse um pedacinho de terra, onde posso plantar o que me der na real gana. Quando estou mais inspirada vai um poema, uma crítica, ou simplesmente uma frase.
O “Mundo da Blogosfera”, como todos os universos tem o bom e o mau. Cabe a cada um fazer as suas escolhas. Pode utilizá-lo para o fim a que se destina, ou adaptá-lo ao que mais lhe convém.

Este é o segundo texto da rubrica “Corta-te ou Purga-te”, exemplo virtual de que a blogosfera tem aspectos bastante positivos, como a celebração de uma rubrica entre dois blogues.
Aproveito para desejar uma excelente Páscoa a todos.

19 remendo(s):

Nely disse...

Olá Marta.
Fiz uma visita e gostei da sinceridade do texto.
Cada um faz do seu pedacinho de "chão" o que bem entende, nem sempre brotam flores, às vezes é só mato e até pode ser terreno árido ou deserto, mas também podemos escolher o caminho por onde andamos e assim...cabe a cada um a opção.
Vou voltar.
Boa Pascoa com paz e amor.
Beijinho.
Nely.

Débora Val disse...

Gostei do teu texto. :)
Concordo contigo quando dizes que o blogue é confundido com o hi5 ou orkut, o que não deixa de ser triste. Eu sempre vi o blogue como sendo mais intelectual que os ditos hi5 e orkut. Mas cada um faz o que quer com um blogue...

Boa Páscoa para ti também.

VANUZA PANTALEÃO disse...

Minha amiga,
Você conseguiu sintetizar um tipo de pensamento que sempre me bati por aqui e até perdi uns comentaristas, pura e simplesmente pelo uso da Sinceridade.
Assino embaixo do seu texto e admiro a sua coragem.
Muito grata pela visita com os votos de uma Páscoa doce e verdadeira!!!Bjsss

escarlate.due disse...

tens toda a razão quando dizes que há de tudo um pouco: o bom e o menos bom.
jovens da tua idade so terem blogs à semelhança de hi5 é que discordo porque nos muitos anos que tenho de internet já vi tantos e bons blogues que vão de miúdos de 7 ou 8 anos a "jovens" de 70 e muitos. procura Marta e te garanto que encontras :)

quanto aos diários... tens razão pode tornar-se perigoso... mas o que será que está realmente por trás desses diários??...

Fabricante de Sonhos disse...

Olá Marta!
Muito sincero o seu texto. E verídico.
Eu mesma, procuro blogs que me acolham... Com textos legais, poesias... Até contos e histórias...
Como você disse, cada um faz de seu blog o que bem entende.
E cada um volta ao blog que agrada, não é mesmo.

Por exemplo, olha eu aqui de novo!

Parabéns, viu?
Gosto muito daqui! E obrigada por compartilhar conosco suas idéias!

Tenha uma quinta feira linda!

Beijo meu!

Fabricante...

O Profeta disse...

Mas um beijo às vezes
Faz parar o tempo em seu desvario
Arranca mil sentires à alma
Voa no celeste preso em terno fio

Liberta esta lava incandescente
Transbordante em teu peito palpitante
Dá-te as asas de um pássaro azul
Transforma o eterno em sublime instante


Boa semana


Mágico beijo

Lu.a disse...

Concordo contigo! Tal como tu tenho o blogue há 2 anos ( quase 3) e tal como tu acho, sem sombra de duvida, que há gente que conta demais no seu blogue, mas "prontos" esse é o fascinio e o charme da blogoesfera, cada um poder fazer e escrever o que lhe dá na real gana!!

Quase nos 50 disse...

Minha querida
A sua análise é bem concisa e lúcida.
E eu partilho bastante do que escreveu mas por outro lado tenho uma opinião muito pessoal acerca do motivo porque se cria e se vai escrevendo num blog.
Pessoalmente dos que vão "contando" episódios que considero interessantes ou divagações acerca do que vivo ou de certos acontecimentos.
Nunca me passaria pela cabeça fazer duas coisas: fazer do meu blog um diário ou de mostrar o meu lado narcisista com fotos minhas.
De resto concordo consigo que desde que escrevo nos meus blogs (tenho 3!) tenho muito mais cuidado com a maneira que escrevo e em escrever de modo a ser entendida.
Beijinhos e continue a postar que eu vou aparecendo.
;-)

Pjsoueu disse...

Marta:)

Olha, to a ler e a gostar do "jeito" inteligente e maduro como desenvolves a tua forma de ver a "Blogosfera:) Concordo contigo quase na totalidade!
Beijos
Pj

Fabricante de Sonhos disse...

Marta!
Está sumida hein!
To passando para desejar um ótimo fim de semana!

Estou no aguardo do próximo post!

Beijo meu!

Fabricante...

VANUZA PANTALEÃO disse...

Como estás, Martha?
Um ótimo recado. Concordo em gênero, número e grau. Há muitos exageros sim, demais, posso até afirmar e há um outro insuportável para minha sensibilidade: gente que quer "brincar de médico, terapeuta e guru" com os outros e coloca-se num pedestal, enfim, uma vitrine de egos. Não estou dizendo que seja perfeita, longe disso, mas o caminho do equilíbrio deve ser buscado.
Parabéns pelo pronunciamento!!!Bjs

Sandra S. disse...

Concordo contigo, do inicio ao fim.


beijos

Andreia Sofia disse...

Concordo plenamente contigo!

O Blog deve ser um espaço onde possamos partilhar ideias, sonhos, olhares, sentimentos e não um espaço em que estejam sempre a dizer "Foto gira" ou "Linda" como acontece nos hi5 (pelo menos isso acontece n vezes comigo).

Beijinhos

R. Sant'Anna disse...

Boa crítica.
Outra coisa que me dixa profundamente incomodada é o abandono de blogs. Em menos de um mês os blogs são completamente deixados de lado. E outra: o uso de blogs para propagandas de produtos... O verdadeiro sentido do blog não é esse... Isso me entirstece...

Muito bom mesmo seu post.

Abraços!

Valdemir Reis disse...

Olá Marta é sempre com grande alegria que visito este importante espaço. Honrado e feliz. Quero agradecer sua amizade. Muito obrigado! Certo estou quando um amigo nos acompanha nenhum caminho é longo demais e vamos além, também que a amizade é como as estrelas, embora não vendo toda hora sabemos que existem. Parabenizo você pela harmonia e qualidade deste trabalho. Grande tema, ótima escolha, excelente texto, belissimo, um encanto, uma preciosidade, gostei. Valeu ter passado aqui. “Muitas vezes basta ser: colo que acolhe, braço que envolve, palavra que conforta, silêncio que respeita, alegria que contagia, lágrima que corre, olhar que acaricia, desejo que sacia, amor que promove. E isso não é coisa de outro mundo, é o que dá sentido à vida. É o que faz com que ela não seja nem curta, nem longa demais, mas que seja intensa, verdadeira, pura enquanto durar. Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.” Cora Coralina. Encontrar-nos-emos sempre por aqui. Aguardo sua visita, passa lá! E volte sempre! Tenha uma agradável e feliz semana de grandes realizações. Muita paz, brilho, proteção e sucesso. Tudo de bom, muita prosperidade... Fique com Deus. Forte e caloroso abraço.
Valdemir Reis

ana d. disse...

devo dizer uma coisa: sempre achei que é muito mais interessante ler textos (mm que sejam compridos) do que olhar para uma fotografia e fazer comentarios tipo "foto linda* adorei ;)". Pelo menos, sempre podemos dizer coisas ligeiramente diferentes uns dos outros, dando a nossa opinião, se concordamos ou não...
Parabens por estares aqui há dois anos!!! continua!

Rui Carlo disse...

Concordo contigo em todas as tuas colocaçõs, e me assemelho um pouco nisso de escrever, comecei com distração, depois irou víciso, depois dei um tempo, agora retorno...

Malu Paixão disse...

Eu estou por aqui já tem 1 ano e pouquinho.. e concordo plenamente com vc marta.
Tem gente q realmente acredita q o blog é apenas mais uma forma de interação e acaba fazendo dele justamente isso. Escrevem coisas tipo "Ai gente, hoje acordei com dor de barriga, que saco, amanhã tenho prova! então.. é isso por hoje.. tchau!";
mas por outro lado, como vc mesma disse, em alguns casos se torna uma forma de melhorar a escrita e blogs como o seu não deixam de ser a mais pura 'literatura comteporânea'..
adoro! estava sentindo falta daqui rsss
bjão querida, boa semana.. fica bem!

diana disse...

Gostei muito de reflexão. De certa forma fizeste-me pensar. De certa forma, revi-me nas tuas palavras.

© oblogdocorte 2007. Todos os direitos reservados